O QUE AS BARRIGAS ANDAM FAZENDO

Vocês já exploraram a ○lupinha○ do Instagram? Pelo que descreve o app, as fotos são sugeridas com base nas pessoas que você segue. Ou seja, quem a galera que eu sigo segue.

Resultado: a cada 10 fotos, 2 são de barrigas saradas.

As barrigas não estão de férias (algumas sim, na Grécia), não estão trabalhando para botar comida em casa, nem estão servindo de travesseiro para uma pessoa querida. As barrigas estão fazendo selfie no espelho – pasmem.

A nova fixação da Internet é a barriga sarada. E apenas na Internet, porque na praia não encontro essas barrigas, nem quem se importe com elas de fato.

O que mais me intriga é que a barriga de ninguém que eu sigo – homem ou mulher – posta selfie no espelho. Ainda assim, essas barrigas seguem barrigas saradas alheias que postam. Pra quê? Se a sua não tem a vaidade e/ou disposição de fazer mil abdominais e te obriga a comer um doce ou fritura por dia. Não tem identificação nenhuma, estão entendendo? Pra que idealizar uma barriga que só existe na Internet e na academia (lugar que você nem curte frequentar)?

Por uma Internet com menos protagonismo da barriga.
(E menos desculpas por textões).

Ass.: Barriga da Alice

Hoje de manhã, minha barriga postou esse ~textão~ no Insta com uma selfie natural no espelho. Detalhe: a julgar pela foto, muita gente achou que eu estava grávida. E, não, eu não estava estufando, acordei inchada mesmo por causa da TPM. Depois de alguns comentários, resolvi continuar a análise. Afinal, ainda há o que falar sobre o fenômeno da barriga sarada virtual.

Só um parênteses. Eu não preciso ser barriguda pra criticar a vaidade das barrigas saradas.

Prepara, que agora sim vem textão.

Vamos começar do começo. Ou, pelo menos, do que eu acho que é o começo de toda essa loucura: a ditadura do corpo perfeito. E o corpo perfeito hoje, segundo a nossa cultura, é o da Gabriela Pugliese. Só uma coisa a dizer: fudeu. É, porque se você não tem a genética da Carolina Dieckmann, vai ter que matar e morrer (como comentaram no meu post) para ter uma barriga sarada padrão Pugli. A outra opção é colocar o tal do chip. Nunca ouviu falar? Dá um Google “chip das famosas” e surpreenda-se.

pugli2

Mas como nem eu e nem você recebemos R$ 20 mil em post patrocinado, muito pelo contrário, pagamos para sofrer na academia, a coisa complica. A coisa, esse processo de esculpir o abdômen. Seu corpo, por acaso, é seu instrumento de trabalho? Você é modelo, mocinha ou galã de novela, fitness influencer (se ainda não existia o termo, está criado)? Então, pra que essa vaidade toda com a barriga?

Se você vai se sentir melhor com uma barriga chapada – beleza! -, corre atrás e seja feliz. Mas não precisa esfregar no feed das pessoas toda a semana o resultado. Eventualmente vamos ver sua barriga numa foto, na praia ou em qualquer lugar que você bote pra jogo no look.

giphy

Não seja uma barriga sarada, seja interessante – parafraseando Nelson Rodrigues. Porque é igual beleza: de cara nos encanta, depois de um mês convivendo com a pessoa você acostuma. A partir daí, você enjoa e sai fora ou continua pelo que ela é. Ninguém namora com barriga. Pelo que eu saiba, quando você conquista pela barriga é mais pelo que está dentro dela, o estômago.

anigif_enhanced-buzz-19595-1433537841-5

Só posso crer que a barriga sarada que faz selfie no espelho tem vida própria. Ela faz jabá de suco detox, curte uma praia – fazendo jabá de biquíni, óbvio -, faz selfie no espelho do quarto quando acorda, no espelho do banheiro da academia e no espelho da sala de musculação (haja espelho!). Além de todo esse carisma muscular, muita barriga que faz selfie é intelectual – pasmem novamente. Postam legendas citando Clarice Lispector, Caio Fernando Abreu, Fernando Pessoa, entre outros.

post

Mas assim, tentem entender, não é vaidade. Afinal, as barrigas só querem agradecer. #agradecersempre #gratidao #namaste #blessed #thankful

Ps: estudos apontam que bundas e peitos também possuem vida própria – e são igualmente intelectuais.

Anúncios

E aí?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: